Entenda o que é lesão por esforço repetitivo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on telegram
lesão

Uma lesão pode ser causada por diferentes fatores, desde acidentes no trânsito, na prática do esporte ou até mesmo por um esforço que está sendo feito de um modo repetitivo, em ações que se perpetuam por vários dias.

Embora existam diferentes tipos de lesões que um corpo pode sofrer, como entorse, luxação, fraturas e contusões, as que são causadas por movimentos repetitivos podem ser uma das mais graves que existem devido a condição crônica.

Sendo uma inflamação, desgaste ou lesão em tecidos do corpo que são mais moles, como os tendões, ligamentos e os músculos, a sobrecarga gerada por estes movimentos repetitivos atrapalham até mesmo o dia da noiva, se não for tratado corretamente.

Podendo serem reconhecidos também como LER, alguns fatores cotidianos podem contribuir para que este modelo de lesão ocorra, como:

  • Atividades esportivas;
  • Estilo de vida;
  • Grande tempo utilizando eletrônicos;
  • Postura inadequada.

Mesmo que não seja perceptível no cotidiano, ou mesmo se as dores não aparecem de forma rápida, as chances de lesões aumentam cada vez mais devido aos desgastes e outros fatores que ocorrem.

Ao ponto de que, até mesmo realizar atividades simples, como imprimir e encadernar apostila, torna-se um grande desafio para ser realizado em meio às dores da lesão.

Grande parte dos diagnósticos de uma lesão deste modelo é dado com exames clínicos e também em como funciona a rotina do paciente, seja com a quantidade de práticas esportivas ou então, no local de trabalho.

Podendo até mesmo ser solicitado exames mais específicos de imagens para que o diagnóstico seja classificado para um melhor tratamento, que esteja adequado para as condições da lesão e também da saúde do paciente.

Embora, em muitos casos, as dores sejam ignoradas pelos indivíduos, a falta de um diagnóstico após os sintomas e o início de um tratamento adequado, se não forem realizados, podem prolongar as dores e agravá-las.

Os sintomas da lesão

Se durante uma atividade como a impermeabilização de bancos automotivos, o funcionário de uma empresa sentir alguns sintomas e ignorá-los, as chances de agravamento sobem em boas porcentagens.

Nas lesões por esforço repetitivo, os sintomas aparecem quando o caso já está mais grave ao ponto da atividade não poder ser realizada, porque afeta os movimentos que são necessários.

Sendo mais comuns na parte superior do corpo, a lesão deste modelo atinge os membros inferiores, ou então, áreas mais localizadas dependendo do esforço realizado.

As dores e as dormências em uma área ou nos músculos são os principais sintomas que podem indicar uma lesão, assim como o formigamento em uma determinada área por longos períodos.

Posteriormente, a fraqueza muscular e a fadiga são sintomas que podem indicar que as atividades que exigem esforço, como uma limpeza industrial pesada que necessita de uma postura por um tempo prolongado, tornam-se difíceis de serem realizadas.

Sensações de choque ou de agulhas nas áreas são comuns como diagnóstico, e em alguns casos, a perda de sensibilidade na região que está sendo afetada.

Os dedos também são regiões que podem sofrer por causa da lesão de esforço repetitivo, chegando a ter dores assim como nas outras áreas do corpo.

Quanto mais cedo o paciente observar esses sintomas, mesmo que eles apareçam de uma forma mais crônica, é fundamental que haja um acompanhamento médico.

Isso para que nenhuma das dores acabe se tornando muito agravantes ao ponto de se tornar difícil realizar tarefas pequenas do dia a dia, já que os incômodos geram empecilhos em mínimos movimentos.

Tipos de lesões por esforço repetitivo

Por afetarem diversas áreas do corpo, alguns tipos de LER devem ser compreendidas para que possam ser melhor esclarecidas quando o indivíduo buscar uma ajuda médica.

A tendinite é uma lesão que ocorre com uma inflamação em um tendão, uma estrutura fibrosa que conecta as extremidades dos músculos do corpo aos ossos, sendo uma inflamação que ocorre com frequência nos ombros, cotovelos, punhos e joelhos.

Já a sinovite, é uma inflamação que ocorre na membrana da sinóvia, a responsável pela lubrificação das articulações. Este modelo de lesão pode atingir os joelhos, mãos, cotovelos, quadril, tornozelos, ombros, pés e os punhos.

O que pode atrapalhar um profissional que dobra uniforme feminino para loja, já que para a função, todo o corpo é necessário para a realização da atividade.

A tenossinovite é a inflamação que ocorre na bainha do tendão, sendo mais frequentes nas mãos, pulsos ou então, nos pés.

A lesão de bursite é quando as bursas, bolsas de líquido que ficam entre os ossos, ou músculos e tendões, acabam tendo uma inflamação, sendo comuns em áreas como os joelhos, ombros, quadris e nos cotovelos.

Por ser uma área de grande movimento, os cotovelos também podem apresentar a epicondilite lateral ou medial, uma inflamação popularmente conhecida como cotovelo de tenista que se apresenta nos tecidos que ligam a região ao antebraço.

As áreas das lombares, ao sofrerem inflamações, podem receber a denominação de lombalgia ou lumbago, que ocorrem devido a lesões no tendão, nos ligamentos ou até mesmo, uma distensão muscular.

Em casos mais graves, uma inflamação pode acabar complicando e originando outra, portanto, a necessidade de um tratamento torna-se vital, de modo que possa permitir que o indivíduo não sofra com os menores movimentos que realiza.

Como prevenir?

Para um profissional que trabalha em uma empresa de lavar tapetes a domicilio, as formas de prevenção começam com o ato de não ir muito além do limite do corpo, além das empresas auxiliarem os seus profissionais com questões de cuidado à saúde.

Especialmente com espaços de trabalho e mobílias que possam contribuir para que o funcionário não desenvolva doenças ocupacionais, ou então, possa ter a tendências a gerar lesões em alguma parte do corpo.

Fazer intervalos durante o trabalho, exercícios físicos que movimentam todo o corpo, ou até mesmo outras atividades das quais as ações são repetidas devem ter um cuidado para que não gere lesões.

Já que esta condição não surge apenas em quem trabalha, mas em atividades que são realizadas no dia a dia, por isso, descansar o corpo ou alongar de uma forma que alivie tensões musculares são os principais contribuintes.

Os tratamentos para lesão

Se um profissional que atua em um projeto de fábrica e de instalações industriais sofrer uma lesão, o tratamento adequado começa quando há uma visita ao médico para diagnosticar com uma maior precisão.

A partir de então, o médico pode recomendar procedimentos como fisioterapia, remédios adequados, talas, coletes, protetores ou até mesmo, infiltrações de medicamentos no local afetado pela lesão.

Para completar o tratamento, o médico também pode fazer a recomendação que o paciente tenha o acompanhamento de um psicoterapeuta, visto que estresse e outras situações do cotidiano que mexam com a mentalidade, agravam as lesões.

O que, por consequência, complica as dores de modo que o tratamento se torna mais lento de surtir efeitos no corpo.

Fazer repouso e não carregar peso também costumam fazer parte do tratamento de lesões por esforço repetitivo, especialmente para que os remédios como anti-inflamatórios sejam recomendados.

Em casos mais graves, as cirurgias tornam-se recomendáveis, contudo, essa ação ocorre somente quando não há muitas situações que possam ser feitas para reduzir o quadro do paciente, o que resulta em repousos ainda mais intensos.

Melhoramento de posturas no cotidiano, seja em pé ou sentado, pode ser um dos tratamentos iniciados ainda no começo das dores para que não piorem e causem outras complicações.

Mesmo que seja com pequenas práticas, os tratamentos iniciados no começo da descoberta da lesão são revertidos com uma maior facilidade e tendo um maior controle, mesmo sendo uma condição de dor crônica.

Considerações finais

As lesões por esforço repetitivo são situações crônicas que, na ausência de um tratamento adequado, podem se agravar e impedir que menores ações como realizar apresentações em reuniões de um projeto arquitetônico consultório odontológico ocorra.

Podendo acontecer em mais de uma região do corpo, atingindo áreas que ligam músculos aos ossos como os tendões, ou então, em ligações dos ossos em si, as lesões que não forem tratadas inicialmente agravam-se e geram outras.

Sendo originário devido a atividades esportivas repetitivas, ou então, uma postura inadequada por muito tempo enquanto utiliza-se eletrônicos. As lesões apresentam sintomas leves como dores e formigamentos, e posteriormente, vão se agravando.

Para um tratamento adequado para cada tipo de lesão por esforço repetitivo, é essencial que haja uma busca por um especialista adequado, de modo que os melhores métodos irão ser recomendados para cada paciente dependendo do seu quadro clínico.

Mesmo que nos menores sinais de dores, é recomendado que a procura de um médico ocorra para que um melhor diagnóstico seja dado e, assim, o tratamento adequado iniciado para diminuir as lesões e transformarem as ações do cotidiano fáceis de serem exercidas.

Leia também: