Gripe H3N2: quais os sintomas e como evitar a gripe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on telegram
89 / 100

Diante dos surtos regionais ocorridos no Brasil nos últimos três meses, causados por uma nova cepa chamada H3N2, tem preocupado os profissionais da saúde e órgãos responsáveis.

Considerado o responsável por um dos maiores surtos de gripe nos EUA nos últimos anos, o vírus H2N2 registrou mais de 47 mil pessoas infectadas.

Após promover uma epidemia no Rio de Janeiro, o número de contaminados já vem se espalhando em todo o país, causando os sintomas clássicos da gripe de modo mais intenso e associado a mal-estar intenso.

Pensando nisso, a Brasil Emergências Médicas reuniu neste artigo tudo o que você precisa saber sobre a gripe H3N2, assim como os principais sintomas e como evitar. Confira!

Precisando de uma empresa para fazer seu exame H3N2?

clique no link abaixo e fale com um especialista

Clique aqui e fale com um atendente 

O que é a Influenza H3N2?

O vírus influenza é caracterizado pela a capacidade de sofrer variações constantemente, com grande capacidade de adaptação. Atualmente, temos conhecimento de três tipos de vírus influenza, sendo eles o A, B e C. De acordo com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), o vírus H3N2 pertence ao subtipo do vírus influenza A, que é responsável por grande parte das gripes e resfriados.

Quais os sintomas da H3N2 e como identificá-los?

Os sintomas manifestados pela Influenza H3N2 são semelhantes aos da gripe comum, como dor de cabeça, febre alta, dores articulares, congestão nasal e tosse.

Dessa forma, os principais sintomas da gripe H3N2 são:

  • Febre alta, acima dos 38ºC;
  • Dor no corpo;
  • Dor de garganta;
  • Dor de cabeça;
  • Espirros;
  • Tosse;
  • Coriza;
  • Calafrios;
  • Cansaço excessivo;
  • Náuseas e vômitos;
  • Diarreia, mais frequente de ocorrer em crianças;
  • Corpo mole e sem força.

A identificação dos sintomas da H3N2 são mais frequentes em crianças e idosos, além de que a transmissão se dá mais facilmente em gestantes ou mulheres que deram à luz a pouco tempo, pessoas com sistema imunológico fraco ou com doenças crônicas.

Após a identificação dos sintomas, é importante evitar contato com outras pessoas, principalmente os grupos de risco, e procurar um médico.

Como ocorre a transmissão do vírus H3N2?

A forma de transmissão da gripe H3N2 é semelhante à do COVID-19, sendo transmitido principalmente através de gotículas que ficam suspensas no ar após alguém que esteja contaminado com o vírus tossir, espirrar ou falar. Além do contato direto com a pessoa.

Como evitar a contaminação?

H3N2

Apesar de comum, a gripe pode levar a complicações e até serem fatais. Por isso, deve ser prevenida da melhor forma. Entre as principais formas de prevenção da gripe H3N2, estão:

  • Vacinação;
  • Lavar as mãos com água e sabão sempre, especialmente antes das refeições;
  • Ao tossir e espirrar, sempre buscar cobrir a boca;
  • Evitar compartilhar objetos de uso pessoal, como copos, talheres e garrafas;
  • Não permanecer em ambientes com grandes aglomerações;
  • Usar álcool 70%;
  • Usar máscaras;
  • Manter o ambiente ventilado;
  • Evitar contato com pessoas doente e com diagnóstico do vírus;
  • Adotar hábitos de alimentação saudáveis e praticar atividade física regularmente.

Vale lembrar que a recomendação para tomar a vacina da gripe é que seja feita todos os anos, uma vez que os vírus sofrem mutações ao longo do ano, se tornando resistente às vacinas anteriores.

A gripe por Influenza H3N2 é considerada perigosa?

Apesar de poder ser prevenido através da vacina para gripe, o vírus H3N2 é considerado perigoso, pois nos seus casos mais graves, a doença pode ser fatal. No mês de dezembro de 2021, foi registrado no Rio de Janeiro, mais óbitos por Influenza H3N2 que Covid-19, em números absolutos.

Os grupos mais suscetíveis a complicações são crianças pequenas, gestantes, idosos, pessoas com algum comprometimento de saúde, como doenças cardíacas ou respiratórias, diabetes, obesidade e etc. Além das pessoas que negligenciam os sintomas da gripe, que acaba evoluindo para um caso mais grave.

Qualquer gripe pode causar danos ao sistema respiratório, comprometer os pulmões e levar à morte, caso seja não tratada corretamente.

Qual o tratamento da gripe por Influenza H3N2?

Assim como nos outros tipos de gripe, o tratamento para a gripe causada pelo H3N2 é:

  • Repouso,
  • Ingestão de bastante líquidos e
  • Alimentação leve e equilibrada para favorecer a eliminação do vírus mais facilmente.

Além disso, o médico responsável pelo atendimento pode recomendar o uso de remédios antivirais para diminuir a taxa de multiplicação do vírus e o risco de transmissão, além de outras medicações para aliviar os sintomas, como paracetamol ou Ibuprofeno.

Qual a diferença entre H1N1 e H3N2?

Apesar dos dois serem do tipo de vírus Influenza A, os dois vírus possuem algumas diferenças entre si. Um exemplo é a intensidade dos sintomas da H1N1 e H3N2, sendo possível perceber sintomas mais intensos na segunda opção.

Qual a diferença entre a gripe H3N2 e a COVID-19?

As duas doenças são respiratórias e causadas por vírus, entretanto, a gripe H3N2 e a Covid-19 são duas situações diferentes. O início dos sintomas, a intensidade e o tipo de vírus são diferentes entre as doenças.

Enquanto na H3N2 os sintomas, como febre e dores, mais intensos são identificados nas primeiras 48 horas, na Covid-19 eles são observados entre o quinto e o sexto dia de infecção. Além disso, na gripe H3N2 a melhora ocorre cerca de sete dias após o início dos sintomas, já na Covid-19 há uma evolução dos sintomas ao longo do tempo, podendo causar sintomas mais graves.

Como saber se o sintoma é de gripe H3N2 ou de covid-19?

Desde de que começou a pandemia do novo coronavírus e agora com a chegada do vírus H3N2, é esperado que muitas pessoas com sintomas não saibam identificar se estão com a covid-19 ou gripe.

O mais indicado para um diagnóstico preciso é uma consulta com um médico especializado. Para ter uma noção, veja os sintomas de cada uma das doenças:

Sintomas de gripe H3N2 e de covid-19:

  • Congestão nasal
  • Dor no corpo
  • Dor na garganta
  • Febre alta
  • Tosse
  • Garganta inflamada

Fatores específicos da gripe H3N2

  • Sintomas mais intensos no primeiro e segundo dia
  • Melhora após o 5º dia de doença

Sintomas específicos da covid-19

  • Sintomas mais fortes entre o 5º e o 7º dia;
  • Perda de olfato e paladar;
  • Piora de sintomas pode acontecer a partir do 7º dia de doença, evoluindo para um quadro mais grave.

A vacina da gripe protege contra o vírus H3N2?

H3N2

Apesar do Brasil não possuir vacina específica para variante H3N2, entretanto, há no país as vacinas contra a Influenza A e B, que são capazes de proteger parcialmente contra a gripe H3N2.

Ou seja, a vacina contra gripe disponível até o momento irá contribuir para o reconhecimento do vírus do sistema imune e a redução do risco para evolução da doença. Segundo o Instituto Butantan, a previsão para chegada da vacina contra H3N2 no Brasil é a partir de março de 2022.

Leia também: